Fiscalização de obras

O Campus Sustentável compunha a célula de Projetos Especiais da Coordenadoria Geral da Unicamp e, dessa forma, realizou uma série de projetos na Unicamp, na área de energia. Atualmente, compõe o quadro da Coordenadoria de Sustentabilidade da DEPI, com a visão de transformar a Unicamp em uma referência de Gestão Sustentável dos Recursos Humanos, Naturais e Econômicos. Para isso, sua missão é trabalhar com parceiros internos e externos à universidade na concepção, elaboração, contratação, execução, gerenciamento e divulgação de projetos especiais em sustentabilidade e eficiência sob o conceito de Laboratório Vivo. 

Um dos projetos realizados pelo Escritório Campus Sustentável é o Projeto Campus Sustentável, uma parceria entre a Unicamp e a CPFL Energia, que se iniciou em agosto de 2017, com investimento no âmbito dos programas de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) e PEE (Programa de Eficiência Energética) da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica). O Projeto visa melhorar a infraestrutura do campus e, através do estudo e desenvolvimento de novas tecnologias, aprimorar o ensino e a pesquisa, transformando a Unicamp no maior Laboratório Vivo de Sustentabilidade Energética da América Latina.

Esta coordenadoria faz o monitoramento dos indicadores de sustentabilidade das atividades dos campi e, a partir de sua análise, elabora projetos sustentáveis nas áreas de infraestrutura, meio ambiente, mobilidade, energia, mudanças climáticas, água, resíduos, ensino e pesquisa, desenvolvimento social e cultural. Estes projetos estão alinhados com as diretrizes do Plano Diretor Integrado da Unicamp 2021-2031 e são concebidos, planejados, elaborados, contratados, executados e monitorados pela equipe e  passam pelo processo de priorização da Gestão de Empreendimentos da DEPI, com aprovação na COPEI. 

Os projetos são desenvolvidos no conceito de laboratórios vivos, espaços físicos e institucionais para processos colaborativos que agem sobre desafios complexos de cunho social e tecnológico do desenvolvimento sustentável. Neles podem existir parcerias público-privadas em que empresas, poder público e comunidade local criam soluções através de inovação, as experimentam, validam, desenvolvem protótipos e as apresentam ao mercado. Esse é um processo co-criativo que permite a integração efetiva entre pesquisa e inovação em um espaço físico determinado com a colaboração de profissionais técnicos e acadêmicos e usuários do espaço. 

As soluções desenvolvidas no território da Unicamp têm o potencial de impactar a mudança cultural na sociedade. Os campi da universidade devem constituir-se em nichos de transição para sustentabilidade, adotando a abordagem de problemas por meio de laboratórios vivos. 

Dessa forma, esta coordenadoria possui duas células de projetos: Parcerias e Projetos Autônomos. 

1.5.1. Parcerias

Esta célula é responsável pelos projetos desenvolvidos a partir de parcerias e convênios, mobilizando a ampla experiência do Escritório Campus Sustentável na captação de oportunidades junto ao ecossistema adjacente à Unicamp. Os projetos planejados, desenvolvidos ou contratados e executados por esta célula tem a característica de prospectar olhares externos à universidade, para financiamento de projetos e execução de empreendimentos. 

1.5.2 Projetos Autônomos

Esta célula é responsável pelos projetos orientados à sustentabilidade desenvolvidos com verba orçamentária, atrelados a uma rubrica específica, no caso de aprimoramento de processos recorrentes e atividades de normatização e planejamento, e à linha de investimento para demandas de sustentabilidade na Gestão de Empreendimentos da DEPI, orientados à melhora dos indicadores de sustentabilidade da Unicamp e alinhados aos objetivos do Planes.

Para saber mais sobre o Campus Sustentável acesse o link.